Shougeki Gouraigan

>> quarta-feira, outubro 16

 Em substituição a terceira temporada de Garo estreou nas madrugadas japonesas Shougeki Gouraigan, escrito por Toshiki Inoue (Jetman, Agito, Faiz) e dirigido por Keita Amemiya (da franquia Garo). Está é mais uma série que está sendo vendida com o rotulo de "tokusatsu adulto", mas...

O que tem de adulto nisso?!



Uma coisa que me irritou muito em Garo e fez com que eu nem tenha visto toda a primeira temporada foi o fato do público vender a série como algo realmente adulto, e quando vejo a série o que ela tem de "adulto" são gore e peitinhos, desculpem mas não poso considerar isso adulto, se Garo fosse um mangá ele seria publicado em uma revista para o publico juvenil fácil fácil. Digo sem medo de errar que o tokusatsu mais adulto foi Kuuga, pois havia uma preocupação em criar algo verossímel se no mundo realmente surgissem monstros e um cara como o Kuuga (digo até que se Cristopher Nolan fizesse um toku esse séria Kuuga) e a violência de alguns dos monstros que até me espantam que tenham passado num Domingo de manhã, algo que hoje em dia não ocorreria mais, como no episódio em que o Godai se transforma pela primeira vez em Ultimate, o que o monstro apronta e a reação do Kuuga são muito fodas. Bem, fiz toda esse introdução para dizer que apesar de também levar o rotulo de adulto, Gouraigan se define como uma "comédia romântica de ação", e vendo o primeiro episódio assim até que ele é passável.

O primeiro episódio se divide em dois núcleos, no primeiro temos Kai Hitomi, uma colegial bobona e sem graça mas que tem uma estranha habilidade, ela consegue ver monstros que estão se disfarçando de humanos, do outro lado temos Gou e Navi viajando pelo espaço (numa nave muito foda, parece uma versão melhorada da nave dos Zangyeck de Gokaiger) levando criminosos para uma colonia penal quando um deles, Jin, que era o melhor amigo de Gou consegue escapar a vai pra Terra para conquistar nosso planeta. Nisso ao chegar aqui Gou acaba se cruzando com Hitomi e aí vai começar a aventura.

Achei que iria me empolgar mais com esse primeiro episódio, ele não teve tanta ação quanto eu pensei, mas pode melhorar no decorrer dos episódios, o design dos personagens é bom, o ator que fez o Black Condor de Jetman está participando e a Navi paga peitão direto.
Procure por Akari Hoshino e veja essa atriz chupando cana e dando mais que chuchu na serra.
Quero ver como vão desenvolver a série, mas acho que desligando o cérebro e não esperando nada "adulto" vai dar pra curtir Shougeki Gouraigan.

4 comentários:

Pk Ninguém quarta-feira, outubro 16, 2013  

De adulto Garo tem realmente pouco, mas é de longe o melhor tokusatsu que assisti, mais uma vez provando que o Amemiya quando mete a mão pra dirigir algo não erra, vide os Kamen Riders que o cara dirigiu e Jetman.

Gostei do primeiro episódio de Gouraigan, também não tem porra nenhuma de adulto, mas é legal, pelo menos foge dos moldes atuais dos Kamen Riders e Sentais.

Em tempo, veja Garo, é uma boa série.

Bobo da corte segunda-feira, outubro 21, 2013  

Alguém tem a parada legendada?

Bobo da corte segunda-feira, outubro 21, 2013  

alguém tem ele com legendas? =/

Kamen Rider terça-feira, outubro 22, 2013  

Japasubs.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores

Visitem

Anime YokaiCladestinoClockCastClock UpColmeia: O melhor dos blogsGibiscuitCreate your own banner at mybannermaker.com!JapasubSnoopy