Aos leitores de Éden e PG: Como proceder no Procon

>> domingo, fevereiro 24


Bem, para quem não sabe a Panini acaba de anunciar o cancelamento dos mangás Éden e Peach Girl, eu que colecionava ambos (sim, eu comprava e gostava de PG seu filho da puta, é uma otíma história para ler enquanto esta no banheiro soltando um barro) estou indignado com isso! E o pior é que vou dar uma espiadinha no Orkut e vejo um monte de pela saco defendendo a Panini com argumentos estupidos tipo "um mangá imcompleto da Panini é melhor que um completo da JBC" e dizendo que isso não seria caso de entrar no Procon.

Mas é caso sim de entrar no Procon, e apesar desses imbecilzinhos, tem uma galera disposta a entrar no Procon, não estou colocando os scans das edições agora onde a Elza garante que PG vai ser publicada até o final e que Éden estava garantido até a edição brasileira 32, pois meus scaner tá fazendo beicinho,tentei tirar umas fotos das páginas mas não ficou bom,então eu vou mostrar elas depois que for tira-lás em algum lugar para levar ao Procon no blog Cagadas da Panini, onde fui gentilmente convidado para ser colaborador, então se quiser ver depois (com esse texto ampliado e revisado) passa lá.

Atenção: o texto a seguir foi retirado do Orkut, sigam as instruções direitinho para obterem sucesso.

Bom, conversei com uma colega que é advogada, e ela me deu as devidas orientações de como a gente deve proceder nesse caso.

Em primeiro lugar, peguem a edição 25 de Peach Girl e abram na primeira página do "Peach Papo". Agora leiam as 3 primeiras linhas.

Leram? Pois isso já é o suficiente para abrirmos uma nova reclamação no Procon contra a Panini.

Temos uma afirmação por meios oficiais de que teríamos a publicação garantida até o final da série. Nas palavras da própria editora da linha de mangás da Panini.

No momento que essa afirmação foi descumprida, a Panini passou a fazer uma propaganda enganosa. E propaganda enganosa, dá ao leitor o direito de entrar no Procon contra a editora.

É quase a mesma coisa que aconteceu com o primeiro processo que entramos contra a Panini. Mas dessa vez, como é reincidência, talvez o processo corra um pouco mais rápido.

Agora: O que devemos fazer?

Simples gente, peguem a edição 25 de Peach Girl e tirem uma cópia dessa página do Peach Papo. - Separem o RG, CPF, e vão até o Procon mais próximo.

E onde fica o Procon mais próximo? Aqui tem uma lista com vários endereços espalhados pelo Brasil. Procurem o Procon que seja mais próximo de onde vocês moram: http://www.portaldoconsumidor.gov.br/procon.asp?acao=buscar

Quando chegarem no Procon, expliquem o caso para a atendente. Digam primeiro que a Panini já havia cancelado a revista anteriormente, mesmo afirmando que seria publicada até o final. Expliquem que mangás são coleções fechadas, com início, meio e fim, e que uma série cancelada pelo meio não tem serventia alguma. Então mostrem a xerox da página do Peach Papo, com a afirmação oficial da editora "garantindo" que Peach Girl seria publicado até o final.

Digam que como consumidores estão se sentindo lesados, e que gostariam de ter seu dinheiro de volta, já que isso foi propaganda enganosa, e diante disso, pela lei, temos o amparo legal.

Nessa hora a atendente vai dar para vocês uma pequena ficha que deve ser preenchida com a reclamação (e a xerox vai em anexo com a reclamação). - Na hora de preencher a ficha, digam exatamente isso, que se sentiram lesados, que a editora garantiu que publicaria a revista até o final e que cancelou antes do final da série, e que no caso, vocês estão se sentindo lesados e que querem ser ressarcido do prejuízo que tiveram ao comprar a série, a qual a editora prometeu publicar até o final e que não cumpriu.

É o Artigo 35 do código do consumidor:

Art. 35 - Se o fornecedor de produtos ou serviços recusar cumprimento à oferta, apresentação ou publicidade, o consumidor poderá, alternativamente e à sua livre escolha:
I - exigir o cumprimento forçado da obrigação, nos termos da oferta, apresentação ou publicidade;
II - aceitar outro produto ou prestação de serviço equivalente;
III - rescindir o contrato, com direito à restituição de quantia e eventualmente antecipada, monetariamente atualizada, e a perdas e danos.

Traduzindo, podemos exigir que a Panini publique Peach Girl até o final (como eles mesmos afirmaram que fariam), ou, podemos pedir nosso dinheiro de volta, devidamente atualizado para valores dos dias de hoje.

Mas quem decide se os leitores terão o dinheiro de volta ou se a Panini terá que republicar a série até o final será um juiz. - Mas das duas uma, ou o juíz vai obrigar a Panini a nos devolver o dinheiro por todas as edições de PG que já compramos, ou então dará para a Panini a escolha de ou devolver o dinheiro, ou terminar de publicar as edições ainda pendentes.

Quanto maior o número de processos contra a Panini, maiores serão as nossas chances de obtermos vitória. - Eu já fiz minha reclamação hoje cedo. Agora cabe a cada um de vocês fazer o mesmo. É um direito nosso, e isso vai garantir, mesmo que demore um pouco, que tenhamos nosso mangá publicado até o final.

Read more...

Nova imagem de Watchmen

>> sábado, fevereiro 23

Read more...

Cadê a coelinha?

>> sábado, fevereiro 16

Você que frequenta esse blog àlgum tempo já deve ter visto o vídeo da Deusa de Rosa Com Orelhas de Coelinho, basta clicar na imagem dela que está na sua direita, caso esteja com preguiça, o vídeo tá ai embaixo.



A Deusa Coelinha com certeza merece toda a nossa louvação, mas só agora depois de uma pessoa me perguntar no Orkut é que eu percebi: Não tem nenhuma comunidade para reunir seus fieis, ou melhor, não tinha! Agora esse terrível erro foi corrijido e agora já temos um point para falarmos sobre toda a beleza dessa otakinha, e o principal, temos que encontrar ela porra! Quem souber de informações sobre o endereço do Orkut dela ou o caralho, venha e seja bem-vindo na nossa comu.

Para participar, clique aqui.

Read more...

Mais uma da Panini Brasil

>> domingo, fevereiro 10


Ahh, são tantas as cagadas feitas pela Panini Brasil que até cansa tentar lista-lás, Fanfic bizarra em Berserk, Samurai Executor que está atrasado e nada de um comunicado dizendo o porque, Edén e Peach Girl que "voltaram" e novamente desapareceram das bancas, e chegou mais uma: a Panini vai lançar uma segunda reimpressão do primeiro numero de Naruto.

Até aí problema nenhum, se esgotou tem que fazer uma nova tiragem para atender a demanda, o que fode é que essa nova impressão vai ser diferente da primeira, mais precisamente vai vir sem a censura que ocorreu no primeiro. Agora pensa que legal, você comprou o primeiro numero censurado, e se quiser uma edição sem a censura vai ter que comprar de novo.

Legal né?!

Percebam que não é um recall como foi feito com Trigun (alías um recall bem meia boca, divulgado apenas na internet com um prazo curtissímo para a troca, e se você vai no antigo Orkut da Elza, que hoje se esconde como sendo o próprio selo Planet Mangá se pode fazer a troca mesmo tendo perdido o prazo ela sequer se da ao trabalho de responder) e sim de uma nova tiragem para ganhar mais algum dos otakus.

Se você tentar perguntar para a Elza qualquer coisa relacionada a essas presepadas no Orkut dela você é ignorado, e na comunidade oficial a Elzinha está blindada pelos moderadores que apagam qualquer post que seja sobre cobranças sobre atrasos e o que for, com destaque para um tal de Vicent, que defende a sua musa de qualquer coisa que a desabone.

Depois reclamam dos scans, mas tem mais que tomar no cu mesmo, gastar meu dinheiro em produto cagado, censurado, vá se fuder! Tomem vergonha na cara! Se podia lançar sem censura desde o ínicio por que não o fizeram?! Cagada?! Faturar mais em cima da modinha?!

Pobre de vocês que gostam dessa porcaria de Naruto, desejo sorte pra vocês (e com certeza vão precisar)

Read more...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores

Visitem

Anime YokaiCladestinoClockCastClock UpColmeia: O melhor dos blogsGibiscuitCreate your own banner at mybannermaker.com!JapasubSnoopy